sábado, 8 de maio de 2010

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Se algum dia a gente se encontrar...



"Penso sempre que um dia a gente vai se encontrar de novo, 
e que então tudo vai ser mais claro, 
que não vai mais haver medo nem coisas falsas. 
Há uma porção de coisas minhas que você não sabe, 
e que precisaria saber para compreender todas as vezes que fugi de você 
e voltei e tornei a fugir.
São coisas difíceis de serem contadas,
mais difíceis talvez de serem compreendidas -
se um dia a gente se encontrar de novo, em amor, 
eu direi delas, caso contrário não será preciso."


(Caio Fernando Abreu)

Obs: Roubei da mana... Blog da Michele

Melhor assim...


Mas se eu tivesse ficado, teria sido diferente?
Melhor interromper o processo em meio: quando se conhece o fim,
quando se sabe que doerá muito mais — por que ir em frente?
Não há sentido: melhor escapar deixando uma lembrança qualquer,
lenço esquecido numa gaveta, camisa jogada na cadeira, uma fotografia —
qualquer coisa que depois de muito tempo a gente possa olhar e sorrir, mesmo sem saber por quê.
Melhor do que não sobrar nada, e que esse nada seja áspero como um tempo perdido...


(Caio Fernando de Abreu)